Qual é a final mais comum da Copa do Mundo?

Por Apostaquente | 25 de novembro, 2022

Desde a 1ª Copa do Mundo disputada em 1930, muitas finais de Copa do Mundo se repetiram. Confira qual é a final mais comum da Copa do Mundo.

Você sabia que a Copa do Mundo de futebol é disputada há 92 anos? Desde a primeira edição do torneio (1930), uma série de países já participaram da competição. Ao longo da história, algumas finais se repetiram. Será que em 2022 teremos alguma final que já aconteceu antes? Confira qual é a final mais comum da Copa do Mundo:

Qual país participou de mais finais de Copa do Mundo?

Se você quer saber qual é a final mais comum, por que não conhecer antes qual país participou de mais finais de Copa do Mundo? Desde 1930, uma série de países disputaram o torneio de futebol. Porém, apenas oito conseguiram conquistar o tão sonhado título mundial.

Brasil, Alemanha e Itália são os maiores campeões da Copa do Mundo. A Seleção Brasileira se destaca por ser a maior vencedora do torneio, com cinco títulos. Já as seleções de Alemanha e Itália conquistaram quatro títulos cada. Entre esses países, você sabe quem jogou mais finais de Copa do Mundo?

Desde a primeira edição do torneio em 1930, o país que mais jogou finais de Copa do Mundo é a Alemanha. O país europeu tem oito finais disputadas em sua história. A Seleção Alemã conquistou seus quatro títulos em 1954, 1974, 1990 e 2014. Já os vice-campeonatos aconteceram nas edições de 1966, 1982, 1986 e 2002.

Alemanha x Argentina: a final mais comum da Copa do Mundo

A final mais comum da Copa do Mundo é disputada entre um país sul-americano e outro país europeu. Desde 1930, a final que mais se repetiu na Copa do Mundo foi Alemanha x Argentina. Os países já se enfrentaram na decisão do torneio em três oportunidades, nos anos de 1986, 1990 e 2014.

1986 – Argentina 3 x 2 Alemanha

Em 1986, Alemanha e Argentina ficaram frente a frente pela primeira vez em uma final de Copa do Mundo. Disputada no Estádio Azteca, na Cidade do México, o jogo reuniu mais de 114 mil telespectadores para assistir Diego Maradona, Lothar Matthäus e outros craques. Esse grande jogo foi apitado por um árbitro brasileiro, Romualdo Arppi Filho.

Cinco gols foram marcados na final da Copa 1986. A Argentina começou vencendo aos 21 minutos com gol de Brown. Aos 56 minutos, ampliou com Valdano. Aos 74 minutos, a Alemanha reagiu com Rummenigge. Em seguida, empatou com Völler aos 81. 

Apenas três minutos após o gol de empate alemão, Burruchaga marcou o gol do título argentino. Final de jogo, 3 a 2 para a Argentina.

1990 – Alemanha 1 x 0 Argentina

Quatro anos após a primeira partida do que seria a final mais comum da Copa do Mundo, Alemanha e Argentina voltaram a se enfrentar na grande decisão do torneio. Em 1990, a final reuniu as seleções de Argentina e Alemanha para o que seria uma revanche dos europeus.

Disputada no Stadio Olimpico, em Roma, a final de 1990 contou com pouco mais de 73 mil espectadores. Diferentemente do que foi visto na final de 1986, em que cinco gols foram marcados, a final de 1990 teve apenas um gol, o do título da Alemanha.

Após um empate de 0 a 0, que durou até os 85 minutos de jogo, a Alemanha teve um pênalti a favor para marcar o que seria o gol do título. Andreas Brehme converteu a cobrança e marcou o único gol do jogo. Os jogadores da Argentina perderam a cabeça com o árbitro Edgardo Codesal (México), que foi constantemente pressionado durante os 90 minutos.

Esse duelo entre Alemanha e Argentina não entrou para a história apenas por ser a final mais comum da Copa do Mundo. Confira algumas curiosidades sobre a final da Copa de 1990:

  • Essa foi a 1ª vez que um país finalista de Copa do Mundo não marcou gols (Argentina);
  • Essa foi a 1ª vez na história que uma seleção europeia derrotou uma seleção sul-americana em uma final de Copa do Mundo;
  • Argentina foi finalista com o pior ataque de todos os tempos (05 gols);
  • Argentina foi o primeiro país na história a ter dois expulsos em uma final de Copa do Mundo.

2014 – Alemanha 1 x 0 Argentina

Em 2014, na edição disputada no Brasil, Alemanha e Argentina voltaram a se enfrentar em uma final de Copa do Mundo. Assim como em 1990, a Seleção Alemã levou a melhor e derrotou a Argentina pelo placar de 1 a 0. A grande diferença é que o jogo foi decidido na prorrogação.

Disputada no Estádio Maracanã, a final da Copa de 2014 reuniu cerca de 75 mil pessoas para acompanhar Lionel Messi, Manuel Neuer e outros craques do futebol mundial. Após um empate sem gols, Alemanha e Argentina precisaram decidir quem seria o campeão na prorrogação.

Pouco tempo antes do 2º tempo terminar, o técnico Low decidiu realizar uma substituição: ordenou a saída de Miroslav Klose, o maior artilheiro da história da Copa do Mundo, e a entrada de Mario Gotze. Essa substituição entrou para a história da Copa do Mundo, já que foi Mario Gotze quem marcou o gol do título da Alemanha aos 113 minutos (07 minutos do 2º tempo da prorrogação).

Curiosidades sobre a final mais comum da Copa do Mundo

Como dissemos anteriormente, a final da Copa do Mundo de 1990 disputada entre Alemanha e Argentina teve algumas curiosidades interessantes. O fato de ter sido a primeira vez que um país europeu derrotou um sul-americano entrou para a história. Desde a final de 1990, europeus derrotaram sul-americanos na final do torneio em apenas outras duas edições:

  • Copa do Mundo de 1998: França 3 x 0 Brasil;
  • Copa do Mundo de 2014: Alemanha 1 x 0 Argentina.

Na Copa do Mundo de 2014, a final mais comum da história da Copa do Mundo proporcionou outra curiosidade. Com a vitória de 1 a 0, a Alemanha se tornou o primeiro país europeu a conquistar o título da Copa do Mundo em solo sul-americano.

Outra curiosidade sobre o confronto entre Argentina e Alemanha se dá no número de gols marcados pelos países. Em 1990, como dissemos anteriormente, a Seleção Argentina chegou à final com o pior ataque de todos os tempos, com apenas cinco gols marcados. Já a Alemanha foi campeã da Copa do Mundo com 14 gols marcados.

Em 2014, a Argentina terminou o torneio com oito gols marcados, enquanto a Alemanha encerrou a competição com 18 gols. Em toda a história da Copa do Mundo, o campeão terminou o torneio com mais que o dobro de gols marcados pelo vice-campeão em apenas duas ocasiões. Essas ocasiões foram as Copas do Mundo vencidas pela Alemanha, em 1990 e 2014.

Quando vai ser a final da Copa do Mundo?

Se você acha que alguma final pode se repetir esse ano, por que não fazer apostas online nessa decisão? Caso queira apostar na final da Copa de 2022, você não pode ficar sem saber quando a grande decisão vai acontecer, não é mesmo?

Você sabe quando vai ser a final da Copa do Mundo? A final da Copa do Catar de 2022 acontece dia 18 de dezembro, num domingo. A partida começa às 12h (horário de Brasília).

Aposte na final da Copa do Mundo de 2022 com a Apostaquente!

Agora que você sabe qual é a final mais comum da Copa do Mundo e quando vai ser a final da Copa do Mundo 2022, por que não apostar no torneio com a Apostaquente?

Em seu site de apostas, a Apostaquente disponibiliza uma série de opções de apostas de Copa do Mundo para você fazer seus palpites e se divertir. Lá, você consegue apostar tanto nos jogos das seleções, quanto em outros critérios, como artilheiros de cada país, 1º colocado de cada grupo e até mesmo no campeão da Copa do Mundo de 2022.

E aí, está esperando o que para fazer seus palpites na Copa do Mundo de 2022 com a Apostaquente? Assim que o confronto da grande final estiver definido, não deixe de apostar na final da Copa do Mundo com a Apostaquente!

Sobre o autor:

Apostaquente
A Apostaquente chegou ao Brasil para proporcionar a melhor experiência, e a mais ousada, para os brazucas apaixonados por sites de apostas esportivas e cassino online, oferecendo um portfólio completo para aqueles que buscam por apostas online seguras, inúmeros mercados de apostas e odds competitivas.