Os lutadores que ficaram mais tempo com o cinturão do UFC

Por Apostaquente | 23 de agosto, 2022

Ganhar o cinturão do UFC já é difícil. Imagine ficar com ele por mais de quatro anos. Veja quais são as lendas que conseguiram esse feito.

 

O UFC é a organização mais importante do mundo do MMA. É a que mais recebe investimento, audiência e apostas esportivas. Quando um lutador se sobressai sobre os demais, ele é considerado o campeão e recebe o chamado cinturão do UFC.

Nesse esporte, os lutadores são divididos por categorias de peso, e disputam entre si, independentemente dos seus estilos de luta, para ver quem é o melhor. Na história do UFC, há alguns lutadores que ficaram muito tempo com o cinturão, quase que imbatíveis. Veremos agora quem são eles.

 

Jon Jones — 4 anos, 1 mês e 11 dias

Jon “Bones” Jones é um dos lutadores mais intimidadores da história do UFC. Na categoria meio-pesado, o Legacy Belt permaneceu com o americano de 2011 a 2015. Nesse período, quase todas apostas no UFC eram direcionadas a Jon Jones. Ele foi um dos “donos” do cinturão do UFC que ficou com ele por mais tempo.

Bones perdeu o seu primeiro lugar após ter se envolvido em um acidente de trânsito e ter fugido do local sem prestar socorro às vítimas.

 

José Aldo — 5 anos e 22 dias

Aldo foi o lutador que inaugurou o cinturão do peso-pena no UFC. O brasileiro chamou muita atenção no começo por sua tatuagem, na região do ombro: se tratava de alguns crânios empilhados; Aldo adicionava uma cabeça à coleção a cada oponente que derrotava.

Por muito tempo, esse espaço foi preenchido de maneira consecutiva, mas no fim de 2015, o polêmico e histórico Conor McGregor deu fim à incrível sequência de Aldo… com 13 segundos de luta.

 

George St. Pierre — 5 anos, 7 meses e 25 dias

Esse canadense nunca perdeu enquanto possuía o título de campeão. Após ter conquistado o título em 2008, St. Pierre lutou até 2013 de maneira invicta; um mês depois de sua 9ª luta de defesa de cinturão, ele anunciou a aposentadoria.

Voltou atrás em sua decisão quatro anos depois, obteve o cinturão novamente, mas abriu mão de sua posse, por ter descoberto um problema de saúde. Enquanto atuou, George foi considerado por muitos como uma das melhores apostas do MMA.

 

Demetrious Johnson — 5 anos, 9 meses e 13 dias

Essa lenda passou quase seis anos sem perder no UFC, desde que obteve a posse do título. Assim como José Aldo, Demetrious foi o inaugurador do cinturão em sua categoria, a divisão dos moscas. Ele é um dos grandes campeões do cinturão do UFC.

Cejudo o venceu em 2018, mas só após cinco rounds suados e pela decisão dos juízes.

 

Anderson Silva — 6 anos, 8 meses e 23 dias (o maior tempo que um lutador ficou com o cinturão do UFC)

Mais uma vez, o Brasil está no topo. De 2006 a 2013, as apostas de lutas online tinham nome e sobrenome: Anderson Silva, que foi e sempre será uma lenda do MMA, talvez a maior de todas. Entre todos os detentores do cinturão do UFC, Anderson Silva é o que ficou com o cinturão por mais tempo.

Infelizmente, o legado não acabou de uma maneira tão agradável. Silva foi nocauteado por Weidman; o brasileiro adotou a sua postura de esquiva provocadora, como sempre fez, mas nessa luta, isso foi visto como algo desrespeitoso e displicente pelos torcedores.

 

Aposte no UFC na Apostaquente

É muito difícil ficar tanto tempo no páreo assim, e é por isso que esses lutadores mostraram ser realmente marcantes na história da UFC. Se você acha que alguém na atualidade pode construir uma dinastia como essas, faça suas apostas online na Apostaquente, onde você pode palpitar no MMA com qualidade, segurança e muita diversão. Registre-se e aproveite ao máximo!

Sobre o autor:

Apostaquente
A Apostaquente chegou ao Brasil para proporcionar a melhor experiência, e a mais ousada, para os brazucas apaixonados por sites de apostas esportivas e cassino online, oferecendo um portfólio completo para aqueles que buscam por apostas online seguras, inúmeros mercados de apostas e odds competitivas.