Grupo D da Copa do Mundo: quais são as expectativas?

Por Apostaquente | 11 de agosto, 2022

A Copa do Mundo está chegando e alguns grupos prometem oferecer grandes jogos, como é o caso do Grupo D. Veja as expectativas para o Grupo D.

A Copa do Mundo está chegando e as expectativas para ver os melhores jogadores do mundo em campo por sua seleções estão cada vez maiores! Além de ser uma das melhores competições de futebol do mundo para assistir, a Copa do Mundo aparece como uma das melhores opções de apostas esportivas.

Caso não saiba, 32 seleções diferentes estarão na disputa pelo título da Copa do Mundo de 2022, que será disputada no Catar. Elas estão divididas em oito grupos diferentes (A a H). O Brasil, por exemplo, dividirá o Grupo G com Sérvia, Camarões e Suíça.

Pensando em te ajudar com suas apostas na Copa do Mundo, separamos quais são as expectativas para o Grupo D. Confira!

 

Quais são as seleções do Grupo D?

Como dissemos anteriormente, 32 seleções diferentes estarão no Catar entre novembro e dezembro deste ano para disputar a Copa do Mundo. Ao todo, são oito grupos diferentes com quatro seleções cada. No caso, o Grupo D da Copa do Mundo do Catar conta com os seguintes países:

  • França;
  • Austrália;
  • Dinamarca;
  • Tunísia;

Confira a seguir as expectativas deste grupo para a Copa do Mundo.

 

Quem briga pelo 1º lugar do Grupo D?

A França é a atual campeã do mundo e da Nations League. Em 2018, os franceses conquistaram o título mundial de maneira invicta, derrotando a Croácia na grande final pelo placar de 4 a 2. Nos sete jogos disputados, a Seleção Francesa conquistou seis vitórias e apenas um empate.

Desde o término daquela edição da Copa do Mundo, muitas pessoas começaram a criar muitas expectativas para o torneio deste ano. Muito disso se deve ao fato da França contar com alguns dos melhores jogadores do mundo, como Karim Benzema, Kylian Mbappé, Antoine Griezmann, N’golo Kanté, Christopher Nkunku, entre outros.

Por mais que a França seja o centro das atenções, existe uma seleção no Grupo D da Copa que não pode ser subestimada: a Dinamarca. Na Eurocopa de 2020, disputada no ano passado por conta da pandemia de COVID-19, os dinamarqueses apresentaram um ótimo desempenho, sendo eliminados na semifinal para a Inglaterra.

Nesta temporada, assim como a França, a Seleção da Dinamarca disputa a Nations League. Assim como dividem o grupo na Copa do Mundo, ambas dividem o grupo na Nations League. No caso, as duas seleções estão no Grupo 1 da competição, que também conta com Croácia e Áustria.

Sem papas na língua, podemos dizer que o desempenho da França neste começo de Nations League foi péssimo. Ainda mais se considerarmos toda a expectativa colocada sobre os franceses. Nos quatro jogos disputados antes das férias do calendário europeu de futebol, a França teve o seguinte desempenho:

  • França 1 x 2 Dinamarca;
  • Croácia 1 x 1 França;
  • Áustria 1 x 1 França;
  • França 0 x 1 Croácia;

Em 12 pontos disputados, os franceses conseguiram conquistar apenas dois. Por mais que o contexto da Nations League seja diferente do da Copa do Mundo, que acontece no final deste ano, não podemos deixar de falar que a Dinamarca pode terminar o mundial como a 1ª colocada do Grupo D da Copa do Mundo de 2022, ainda mais com o péssimo futebol que a Seleção da França vem apresentando.

Na hora de fazer seus palpites da Copa do Mundo, não deixe de considerar a Dinamarca como uma candidata a conquistar o 1º lugar do grupo.

 

O que esperar das outras seleções?

Como dissemos anteriormente, França e Dinamarca dividem o Grupo D da Copa do Mundo com Austrália e Tunísia. Podemos dizer que essas duas seleções estão longe de oferecer qualquer perigo que custe a classificação dos demais países, mas lembre-se que tudo pode acontecer no futebol.

Uma grande curiosidade desta Copa do Mundo é que algumas seleções irão se reencontrar na fase de grupos. Esse foi o caso do Brasil. Em 2018, a Seleção Brasileira caiu num grupo com Sérvia, Suíça e Costa Rica. Nesta edição do torneio, o Brasil caiu num grupo com Sérvia, Suíça e Camarões.

Este também é o caso de França e Austrália, que estiveram no Grupo C na última Copa do Mundo. No duelo entre elas, deu melhor para os franceses, que venceram o jogo por 2 a 1. Quer outra coincidência? A Dinamarca também estava no Grupo C na última Copa do Mundo.

Por mais que nós tenhamos dito que Austrália e Tunísia estejam longe de oferecer qualquer perigo para as demais seleções de seu grupo, não podemos deixar de considerar que o futebol é um esporte mágico. Quem nunca presenciou um time nada favorito derrotando um rival mais forte, indo contra as expectativas de todas as casas de apostas?

Neste ano, a Tunísia conquistou a Copa Kirin. Caso não saiba, a Copa Kirin é um torneio organizado pela Kirin Brewery Company, uma empresa de cervejas do Japão. Desde 1978, este evento reúne diferentes times e seleções de futebol diferentes, tendo sempre a Seleção Japonesa como a anfitriã.

Na edição deste ano, a Tunísia surpreendeu e conquistou o título em cima do Japão, goleando a seleção asiática por 3 a 0 na grande final. Antes de enfrentar os japoneses na final, a Tunísia precisou derrotar a Seleção do Chile por 2 a 0 na semifinal.

Para se classificar à Copa do Mundo, a Austrália precisou derrotar o Peru nos playoffs da FIFA. No dia 13 de junho, os australianos enfrentaram a Seleção do Peru em um jogo sem muitas emoções. Com apenas três chutes certos a gol no total, as duas seleções precisaram decidir a vaga para a Copa nos pênaltis.

Na ocasião, a Austrália saiu vitoriosa na disputa de pênaltis com cinco cobranças contra quatro dos peruanos. O grande destaque das penalidades foi o goleiro australiano Andrew Redmayne. Ele entrou no jogo aos 120 minutos da prorrogação apenas para participar da disputa de pênaltis.

Ele aparece como o grande destaque por conta da forma como defendeu o pênalti cobrado por Alex Valera. Andrew Redmayne tem uma mania que visa atrapalhar e confundir os batedores adversários. Ele fica no centro do gol, pulando e gesticulando com as mãos de um lado para o outro até a hora da cobrança.

Podemos dizer que essa mania de Andrew Redmayne deu certo na última cobrança. Por mais que Advincula tenha desperdiçado uma das cobranças contra o goleiro australiano, foi a trave quem impediu que a bola entrasse. Porém, não vamos deixar de falar que o australiano defendeu o pênalti batido por Alex Valera e garantiu a Austrália na Copa do Mundo do Catar.

Austrália e Tunísia estão longe de ser alguns dos favoritos da Copa do Mundo de 2022. Porém, não podemos esquecer que o futebol é um jogo onde o favoritismo nem sempre significa alguma coisa. Por mais que o normal seja França e Dinamarca se classificarem, não será impossível ver outro cenário na época do torneio.

 

Aposte na Copa do Mundo com a Apostaquente!

Agora que você já sabe quais são as expectativas para o Grupo D da Copa do Mundo, por que não apostar online neste e nos demais grupos da competição com a Apostaquente?

Em seu site de apostas, a Apostaquente oferece uma série de campeonatos de futebol diferentes para você se divertir com seus palpites. Lá, você poderá apostar em todos os jogos da Copa do Mundo de 2022, contando sempre com as melhores odds do mercado.

Conforme a Copa do Catar de 2022 estiver chegando, não deixe de conferir o site da Apostaquente e começar a apostar!

Sobre o autor:

Apostaquente
A Apostaquente chegou ao Brasil para proporcionar a melhor experiência, e a mais ousada, para os brazucas apaixonados por sites de apostas esportivas e cassino online, oferecendo um portfólio completo para aqueles que buscam por apostas online seguras, inúmeros mercados de apostas e odds competitivas.