Final do Mundial de Clubes: times inusitados na decisão

Por Apostaquente | 06 de janeiro, 2023

Em alguns anos, a final do Mundial de Clubes foi decidida por times inusitados. Veja as surpresas que aconteceram nessa competição.

As apostas online na final do Mundial de Clubes são sempre muito importantes, afinal, teoricamente, são os dois melhores times de cada continente em uma disputa. Geralmente, esse confronto é entre clubes da Europa e da América do Sul, locais onde há o mais alto nível do futebol.

No entanto, em alguns anos, o inusitado aconteceu na decisão, com alguns clubes inesperados se classificando. Veja as edições em que os sul-americanos ficaram pelo caminho e as surpresas apareceram.

 

Mazembe em 2010

Em 2010, o mundo estava esperando a disputa entre Internacional e Internazionale, da Itália, na final do Mundial de Clubes; esqueceram de combinar isso com o Mazembe, time da República Democrática do Congo.

A vitória do Mazembe sobre o Internacional na semifinal representou a primeira final do torneio sem disputa entre América do Sul e Europa, uma surpresa total para as apostas de futebol da época.

 

Raja Casablanca em 2013

O time anfitrião de 2013 era o Raja Casablanca, do Marrocos. Coube ao Atlético-MG enfrentar o time da casa, uma missão dura e difícil, já que a torcida do time marroquino marcou presença no Estádio de Marrakech.

A torcida do time que tinha Ronaldinho Gaúcho no elenco, logo após ganhar a Libertadores, já começou a pensar onde assistir a final do Mundial de Clubes. Contudo, o Raja surpreendeu e a decisão foi entre o time marroquino e o Bayern de Munique.

 

Kashima Antlers em 2016

O Kashima também era o anfitrião em 2016 e foi ainda mais surpreendente nas apostas esportivas do torneio. O clube japonês chegou à final após bater o Atlético Nacional, da Colômbia, por 3 a 0 na semifinal.

Em determinado momento na decisão, o Kashima esteve batendo o Real Madrid por 2 a 1, mas o clube espanhol conseguiu empatar, levar a partida à prorrogação e virar o jogo. Honrosa campanha do time da casa.

 

Al Ain em 2018

Mais uma vez, um dos times na final do Mundial de Clubes era o time representante do país-sede da competição. O Al Ain foi a primeira equipe do Oriente Médio da Ásia a disputar a final do Mundial; conquistou esse feito após uma campanha de muita emoção, com duas disputas de pênaltis.

O time emiradense foi forte para eliminar o River Plate na semifinal, mas não páreo para o poderoso Real Madrid na decisão.

 

Tigres em 2020

O Tigres não é bem uma surpresa na final do Mundial de Clubes, afinal, é um dos grandes clubes do futebol mexicano, que possui um nível interessante. No entanto, essa foi apenas a primeira vez que um clube do país conseguiu chegar à final, em muitos anos de tentativas.

A classificação veio contra o time que era campeão da Libertadores, o Palmeiras; o carrasco Gignac foi o grande responsável pela eliminação do Verdão na competição.

 

Aposte na final do Mundial de Clubes na Apostaquente

Independentemente dos times que estiverem na final do Mundial de Clubes 2022, existe a certeza de que essa partida será ótima para realizar apostas esportivas. Para dar seus palpites neste grande jogo, venha para a Apostaquente, a casa de apostas que torna a experiência do Mundial muito mais divertida e emocionante. Registre-se em nossa plataforma e aproveite.

Sobre o autor:

Apostaquente
A Apostaquente chegou ao Brasil para proporcionar a melhor experiência, e a mais ousada, para os brazucas apaixonados por sites de apostas esportivas e cassino online, oferecendo um portfólio completo para aqueles que buscam por apostas online seguras, inúmeros mercados de apostas e odds competitivas.